Archive for julho 7th, 2016

Quando não é permitido obter alívio de obstruções fixas?

Olá Golfistas,

Existem alguns entendimentos das Regras do Golfe que são fáceis de aplicar nos campos, mas algumas vezes nos deparamos com situações onde parece fácil, mas só uma análise mais profunda das regras nos levará a uma correta aplicação do procedimento.

Veja o caso de alívio de obstruções fixas. Nem sempre é possível obter alívio, sem penalidade. Você saberia dizer quais são estes casos?

Banco e Arvore

Todos nós sabemos a definição de uma obstrução fixa:

“Obstrução” é tudo que seja artificial, inclusive as superfícies, guias e sarjetas artificiais de ruas e caminhos, e gelo fabricado, exceto:
a) objetos que definam o fora de campo, tais como muros, cercas, estacas e grades;
b) qualquer parte de um objeto artificial fixo que esteja fora de campo; e
c) qualquer construção que a Comissão classifique como parte integrante do campo. Uma obstrução é móvel se puder ser deslocada sem muito esforço, sem atrasar indevidamente o andamento do jogo e sem causar estragos. Caso contrário, é uma obstrução fixa.

Logo, pela regra 24, que trata das obstruções e mais especificamente, pela regra 24-2 que indica que é permitido alívio para a interferência causada por uma obstrução fixa, somos inclinados a acreditar que sempre é permitido alívio. Mas não é verdade.

Esta interferência ocorre quando uma bola está dentro ou sobre a obstrução, ou quando a obstrução interfere com o stance do jogador ou com a área pretendida para o seu swing. Se a bola do jogador estiver no green, a interferência de uma obstrução fixa no green também acontece quando ela interfere com sua linha de putt.

Veja agora, quando não é permitido obter alívio:

  1. Fora do Green, a presença de uma obstrução na linha de jogo não se constitui em interferência, logo não é permitido alívio (Regra 24-2a).
  2. Se a bola estiver em um azar de água ou azar lateral de água não é permitido alívio de obstruções fixas (Regra 24-2b).
  3. Não terá alívio se apenas houver interferência de uma obstrução fixa em consequência do uso de uma tacada claramente despropositada ou stance, swing ou direção de jogo desnecessariamente anormal (Regra 24 – Exceção (b)).
  4. Um jogador não pode obter alívio se uma interferência de qualquer coisa, que não seja uma obstrução fixa, tornar claramente impraticável a tacada (Regra 24 – Exceção (a)).
    Por exemplo, se existir uma árvore próxima a um banco fixo e a bola parar ao lado da árvore e do banco, o alívio será permitido se, e somente se, o banco interferir com a tacada. Se a árvore também interferir com a tacada, não haverá alívio.

Até a próxima,
J. Nabuco

, , ,

2 Comentários